Categorias | Brasil, Curitiba, Destaques

Maratona de Curitiba tem novo organizador e traz novidades para 2017

A Maratona de Curitiba de 2017 já tem data marcada: será no domingo, 19 de novembro. A grande novidade é que, pela primeira vez, a Global Vita Sports and Entertainment, em parceria com a Associação Pro Correr, será a organizadora da tradicional corrida que fecha o calendário do ano dentre as principais maratonas brasileiras.

Com quatro anos de mercado, a Global Vita é responsável pelo circuito Amazing Runs e vem crescendo de forma orgânica e exponencial pelo Brasil, com etapas na Ilha do Mel, Garopaba-SC, e da charmosa e tradicional Corrida da Serra da Graciosa-PR e Serra da Canastra-MG. Todos eventos de destaque no chamado trail running (corrida de trilha), modalidade de vem crescendo nos últimos anos no Brasil. Em Curitiba também, ao lado da Associação Pro Correr, conduzem a produção de grandes eventos como a Corrida da Mulher, 15K de Santa, Corrida e Caminhada Pequeno Príncipe, Corrida do Tinguí e Corrida da Ponte, sendo o último organizado em parceria com a Sportsul Assessoria.

“Percorremos um caminho extenso para chegar até aqui, esse resultado foi alcançado com muito planejamento e uma equipe de trabalho incrível em todo o processo. A Maratona de Curitiba é sem dúvida o maior projeto que temos na casa, vamos trabalhar com força total para entregar uma maratona que a comunidade de corredores curitibana, tenha orgulho de chamar de Nossa Maratona”, nos revelou Arthur Trauczynski, diretor de negócios da Global Vita.

#NossaMaratona

O chamamento de #NossaMaratona pretende valorizar artistas locais, aspectos culturais e históricos dos mais de 20 bairros da capital paranaense diretamente envolvidos na prova. “Uma corrida da cidade, em que as pessoas se sintam orgulhosas e participem dela de diversas maneiras: correndo, apoiando, incentivando e valorizado os bairros de Curitiba” destaca Trauczynski.

A Maratona de Curitiba conta com a Direção Técnica de Tadeu Natálio, diretor responsável pela organização de oito edições da Meia Maratona das Cataratas. A prova será no domingo, 19 de novembro, e as inscrições abrem em 20 de setembro.

Maratona desafiadora

Curitiba teve uma Maratona disputada dois anos antes da primeira edição oficial: em 1995, a Prefeitura de Curitiba e o Clube Santa Mônica promoveram uma prova de 42 km, com largada no Centro da capital, bairros da cidade, de Pinhais, incluindo trechos de terra e da Estrada da Graciosa, com chegada no Santa Mônica.

A primeira Maratona Ecológica de Curitiba, a oficial, foi realizada em 1997 e começou não começou na capital paranaense: a largada era dentro do Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais. Teve 772 participantes e o trajeto passou pelo Estádio do Pinheirão -atualmente abandonado e sem uso-, pelo Parque Barigui, Jardim Botânico, Parque São Lourenço, com chegada na Pedreira Paulo Leminski.

Reginaldo Recofka da Silva, na época com 25 anos, foi o primeiro vencedor da Maratona de Curitiba. Reginaldo nunca tinha corrido uma prova de 42 quilômetros e, mesmo assim, foi o primeiro a cruzar a linha de chegada da prova que ainda era chamada de ecológica por passava por tradicionais parques da cidade e terminava em frente à Opera de Arame, ponto turístico entre os mais visitados da capital paranaense.

Vinte anos depois, a Maratona de Curitiba ainda é considerada uma das mais desafiadoras do Brasil. Já no fim do calendário e com um percurso de constante sobe e desce, dificilmente permite quebra de recorde ou baixa de melhores marcas pessoais.

No domingo, 19 de novembro, os participantes passarão a fazer parte dessa história, com a largada na Praça Nossa Senhora de Salete, no Centro Cívico.

Outras informações no site www.maratonacwb.com.br

Comments are closed.